CARTA DE UM FILHO ADULTO DE ALCOÓLATRA

    Sua mãe, seu pai ou algum outro parente próximo bebem muito ou usam drogas? Essa é uma carta escrita por um filho de alcoólatra que já é adulto. Não há famílias iguais, mas talvez você possa estar sentindo algo parecido.

Oi

     Aposto que você se sente muito sozinho quando seu pai ou mãe bebem muito, porque talvez você pense que ninguém tem pais ou mães que bebem como os seus. Ou talvez você pense que ninguém sabe como você se sente. Você  sabia que existem muitas crianças da sua idade que sentem a mesma coisa que você porque os pais deles bebem demais? Eu sei o que você está sentindo, porque um dos meus pais é um alcoólatra também

    Não é fácil Quanto eu tinha sua idade, me sentia muito sozinho. Toda vez que meu pai começava a beber eu sentia uma coisa estranha no meu estomago, que dizia que algo não estava bem.  Estava assustado demais para falar sobre isso com qualquer pessoa. Me perguntava porque eu tinha um pai que bebia tanto.

    Sempre me perguntava se eu tinha feito alguma coisa para fazer meu pai beber. Nenhum dos meus amigos podia dormir em casa porque eu nunca sabia quando a baguça iria começar. Não queria que meus amigos soubessem o que acontecia na minha casa e além disso, quando meu pai começava a beber eu nunca sabia o que poderia acontecer. Não queria que ninguém soubesse como tudo ficava bagunçado quando ele começava a beber. Eu me sentia envergonhado e acreditava que minha casa era REALMENTE DIFERENTE das casas de todo mundo.

    Quando cresci, eu saí do meu confuso lar e comecei a encontrar outras pessoas que tinham pais ou mães alcoólatras. Falei com um monte dessas pessoas sobre como era na minha casa e não me senti constrangido porque eles falaram sobre o que acontecia na casa deles quando os pais ou mães deles começavam a beber. Eu percebi que outras pessoas tinham o mesmo tipo de problemas acontecendo com elas. Algumas pessoas vieram de lares bem mais complicados do que o meu e outros vieram de lares que não tiveram tanto problemas quantos o que eu tive. Mas na verdade percebi uma coisa: Que todo o tempo quando eu era criança, quando pensava que estava sozinho e que era o único com pai ou mãe que bebem demais, EU NÃO ESTAVA SOZINHO.

    Você não é o único com pai ou mãe que bebem demais. Existem muitos de nós por aí.

Se você quer aprender mais sobre o alcoolismo clique aqui Talvez isso tudo ajudará você a entender um pouco mais sobre o problema e talvez você não se culpará na próxima vez que seu pai ou mãe beberem demais.

Seu amigo, um filho adulto de alcoólatra

5 thoughts on “CARTA DE UM FILHO ADULTO DE ALCOÓLATRA

  • May 8, 2015 at 8:14 pm
    Permalink

    tenho passado por isso também….. Minha mãe é alcoólotra,e meus pais me culpam.Acabo acreditando e o pior minhas irmãs também me culpam .tenho chorado muito e preciso de ajuda,alguem conhce um jeito de melhorar isso?!Da última vez q eu fuji de tal problema(fui a um intercâmbio)as coisas só pioraram,e e quando eu fico eles dizem q a minha presença só piora.
    decidi virar ciclista com medo de ver minha mãe na direção…

    Reply
    • September 30, 2016 at 10:16 pm
      Permalink

      Ola amigos,sei a dor como e ter um pai alcolatra,tenho 30 anos e passo por isso desde que me conheco por gente,detalhe importante hj devido ele ser idoso um ou dois copos de pinga ele ja cai e se esfola todo,enfim me apego a deus pois psiquiatra pscoterapeuta nenhum pode ajudar de verdade.Paz de cristo a todos

      Reply
    • November 10, 2016 at 4:47 pm
      Permalink

      Como você está agora?

      Reply
  • November 12, 2016 at 11:51 pm
    Permalink

    nada mais a dizer

    Reply
  • January 27, 2017 at 5:31 pm
    Permalink

    tenho passado por isso e me machuca muito,tenho 13 anos e sempre que minha mãe bebe ela sai do controle, eu nunca sei oque ela vai fazer,pois ela é extremamente imprevisível,tenho vergonha de quando ela faz isso,essa publicação me ajudou muito por saber que não acontece só comigo. MUITO OBRIGADA <3

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Translate »